Só quem já passou por algum aperto financeiro sabe como é complicado pegar dinheiro emprestado, seja de um amigo, familiar ou conhecido. Além da situação ser desconfortável, pode acabar gerando um mal estar entre os dois lados. Pensando nisso, a Superdigital reuniu dicas importantes para você, antes de pedir a ajuda de alguém, e que podem ajudar o seu bolso. Bora lá? 🤑

Pegar dinheiro emprestado: quando é indicado?

Seja por causa de uma situação de emergência, um boleto atrasado ou contas acumuladas, pedir dinheiro emprestado parece ser a única solução para essa dor de cabeça, certo?

Mas, apesar do aperto, é preciso ficar atento no momento ideal ao pedir uma grana extra a alguém. Quer saber como? Olha só:

Pagar dívidas com juros altos — além de se arrastar por meses e anos, os juros altos ainda impedem você de quitar uma dívida, mesmo que parcelada, sem pesar no bolso. Nesse caso, pedir um dinheiro emprestado pode te ajudar a pagar uma parte e adiantar as parcelas da dívida, gerando menos gastos futuros.

Inteirar uma conta importante — você já tentou de tudo: fazer bicos, ter uma renda extra, diminuir os gastos de casa e ainda assim parece que as contas não fecham? O primeiro passo é identificar a fonte desse gasto com um bom planejamento financeiro.

Achou a raíz do problema e precisa de dinheiro para resolver? Um empréstimo pode ser a solução (desde que não fique mais caro do que a dívida, combinado? 😉).

Realizar um sonho antigo — fazer um consórcio, abrir a própria empresa e financiar um imóvel são alguns sonhos que dependem de um adiantamento financeiro, certo? 😥

Você fez todas as contas e viu que é possível levar esse sonho adiante com uma mãozinha extra? Então, chegou a hora de chamar aquele amigo de confiança.

👉 Leia também: Quem está negativado pode conseguir empréstimo?

Antes de pegar dinheiro emprestado, fique ligado:

Agora que você já sabe quando é o momento indicado para pedir uma grana extra a alguém, chegou a hora de conferir como fazer um empréstimo pessoal, sem sair no prejuízo:

1. Confira as condições: juros, parcelas, valores... tudo deve ser levado em consideração antes de pegar dinheiro emprestado. Ainda que a pessoa não queira definir isso logo de cara, tente firmar um contrato por escrito e com a assinatura de ambas as partes.

2. Analise todos os riscos: uma cobrança indevida, brigas e atraso no pagamento são alguns riscos comuns e que podem se tornar uma bola de neve com o tempo.

3. Seja realista: evite pedir dinheiro emprestado aos poucos. Tente firmar uma relação de confiança: defina um valor exato e não minta para quem está emprestando dinheiro. Ao ser sincero e definir uma data de retorno, valores e juros (se houver), você evita complicações que podem até levar à polícia.

4. Priorize as contas mais importantes: nada de fazer um empréstimo sem precisão, combinado? Use o seu dinheiro com sabedoria e lembre-se de quitar os débitos mais urgentes primeiro.

5. Saiba para quem pedir: infelizmente, não é todo mundo que está disposto a emprestar dinheiro sem ter uma má intenção por trás, ok? 😕 Peça ajuda a pessoas de confiança e que entendam a situação que você está passando. Assim, lidar com esses imprevistos será muito mais tranquilo e saudável. 🤗

👉 Leia também: Tudo sobre dívida ativa: o que é, como pagar e muito mais.

Consiga seu empréstimo na Superdigital

Procurando um empréstimo sem burocracia, seguro e totalmente online? Então, chegou no lugar certo. O empréstimo Superdigital é uma parceria com a SIM, uma fintech do Grupo Santander, que vai te ajudar nessa missão.

Além de ser rápida e simples, a SIM ainda oferece empréstimos sem garantia e com valores que variam de R$ 500 a R$ 25.000 e que podem ser pagos em até 18x. Fala aí se não é top? 😎 Veja como pedir o seu e conheça todas as condições aqui!

Psiu! 😬 Não vá embora ainda, se liga nas dicas zicas de economia que separamos especialmente para você:

Como juntar dinheiro em semanas? Veja o desafio Superdigital.
Veja como sair das dívidas até o fim do ano.
Dia do Economista: dicas para ser chefia do próprio dinheiro.