Ter um planejamento financeiro é primordial, ainda mais quando ele  envolve as despesas e objetivos da sua família, afinal sonhos, objetivos e metas podem e devem ser compartilhados com todos os integrantes.

Para que isso aconteça, é preciso se organizar para que nenhuma pendência fique para trás! Preparamos dicas que vão te ajudar a dar o primeiro passo nessa jornada de montar seu planejamento financeiro familiar!

O que é um planejamento financeiro familiar?

Antes de começar a montar um planejamento financeiro é importante que você entenda o que ele é e como funciona. Esse planejamento tem como objetivo traçar uma série de estratégias para que você e sua família consigam alcançar objetivos traçados a curto, médio e longo prazo sem fugir do seu orçamento familiar.

Como deve ser dividido o orçamento familiar?

Não existe uma regra de bolo para essa divisão, mas uma boa ideia é seguir a chamada regra do 50-15-35. Essa divisão divide os seus gastos em três grandes grupos:

  • 50% para gastos essenciais como conta de luz, aluguel, escolha das crianças etc.
  • 15% para pagamento de dívidas/reserva de emergência
  • 35% para gastos não essenciais como assinatura de plataformas de streaming, compras na internet

Como fazer um planejamento financeiro familiar

Veja abaixo nossas dicas para se planejar e organizar as despesas da sua casa.

Calcule a receita e os gastos da sua casa

Levante quanto dinheiro todos os membros da família recebem mensalmente e qual são as despesas de cada um deles e da casa como um todo. Esse é o primeiro passo para entender quanto dinheiro está sobrando ou faltando todos os meses.

Essa é a hora perfeita para repensar gastos muito altos e ver a real necessidade das suas despesas.

Defina os objetivos da família

Nessa hora, está tudo bem ser ousado! Afinal, um planejamento é para criar metas e objetivos para curto, médio e longo prazo. Para te ajudar nessa hora, vamos explicar um pouco do que podem ser esses objetivos:

  • Curto prazo – são os objetivos que levarão entre seis meses e um ano para serem concluídos. Itens que podem entrar nessa são conta são os pagamentos de dívidas, uma reforma de emergência na casa etc.
  • Médio prazo – são aqueles que levarão entre um ano e cinco anos para serem concluídos. Aqui você pode adicionar itens como a compra de um carro ou da casa própria.
  • longo prazo – são aqueles que levarão mais de cinco anos para serem concluídos. Um exemplo de objetivo a longo prazo pode ser pagar uma faculdade para seus filhos.  

Preveja emergências

Após saber quais são os seus gastos e objetivos é importante separar uma quantia para a reserva da família. Nunca sabemos quando despesas inesperadas vão aparecer, então é importante que você tenha uma reserva de emergência.

Quite dívidas suas dívidas

Se você se enrolou com as contas e quer sair do vermelho, saiba que o primeiro passo para resolver essa situação é buscar um acordo com os credores. Renegocie suas dívidas e, aproveite para quitá-las.

Busque uma renda extra

Se depois de todos esses passos você percebeu que precisa de mais dinheiro, tente buscar por formas alternativas de ganhar renda extra. Você pode cuidar de cachorros, vender doces ou até vender produtos usados, mas o importante é equilibrar as contas da casa.

Atualize sempre o planejamento financeiro familiar

A vida muda constantemente, então alinhar as metas e objetivos com a idade e as preferências de cada membro da família é muito importante.

A Superdigital pode me ajudar a organizar minha vida financeira?

Claro, afinal a Superdigital é uma conta digital pré-paga, ou seja, você só pode gastar o que planejou quando fez o depósito ou a transferência do dinheiro. Para quem precisa aprender a se controlar não existe forma mais simples e eficiente do que ter uma conta na Superdigital.

Seja cliente Superdigital e faça pagamentos e transações de forma rápida e muito simples! Você pode abrir a sua conta em menos de 10 minutos de maneira totalmente online. Baixe agora o aplicativo (via PlayStore ou AppStore) da Superdigital ou acesse o site