Trabalhou em 2019 com carteira assinada ou como servidor público? Atenção: você pode receber o abono do PIS/Pasep. Abaixo, separamos todas as condições necessárias, valores, o calendário PIS 2020/2021 completo, e respondemos as principais dúvidas sobre o pagamento. Confira!

Como funciona o PIS/Pasep?

O PIS/Pasep é um fundo que reúne todas as contribuições (em dinheiro) de funcionários públicos ou de empresas privadas. Depois, esses valores são distribuídos aos trabalhadores, segundo o salário em média de cada um e o tempo de trabalho.  

Qual o valor a ser pago?

Ainda que seja apenas uma parcela por ano, o valor total do PIS pode variar muito do tempo trabalhado. Funciona assim: se você trabalhou os 12 meses de 2019 para empresa privada (com carteira assinada) ou como funcionário público, vai receber o valor máximo de R$ 1.100 (um salário mínimo).

 Caso tenha trabalhado apenas 3 meses em 2019, por exemplo, receberá aproximadamente R$ 276 (3/12 do valor total). Mas atenção: é preciso ter pelo menos 30 dias contados para receber parte do PIS 2020/2021.

 Calendário PIS 2020/2021

 Para evitar uma ida desnecessária ao banco, possíveis filas e dores de cabeça, separamos um calendário PIS/Pasep completo com todas as datas de pagamento. Basta escolher qual das tabelas tem mais a ver com o seu caso :) 

Calendário do PIS/Pasep 2020/2021 para empresas privadas.

Calendário do PIS/Pasep 2020/2021 para empresas privadas.

Calendário do PIS/Pasep 2020/2021 para funcionário púbico

Calendário do PIS/Pasep 2020/2021 para funcionário púbico.

 Onde posso receber o PIS 2020/2021?

Existem algumas alternativas para debitar o abono do PIS, entre elas:

 Clientes da Caixa conseguem receber o crédito direto na conta, desde que estejam com saldo positivo e ativo

  • É possível sacar o dinheiro em caixas eletrônicos do banco com o Cartão do Cidadão
  • Não tem conta na Caixa? É só ir a uma agência com a carteira de identidade em mãos e pronto!

 Outra opção é o saque através do Caixa Tem - aquele mesmo aplicativo do auxílio emergência, lembra? Então, após fazer o download do app, termine o seu cadastro e clique em PIS / Abono Salarial. Lá é possível conferir o status do seu pedido e ter mais informações.

 

Não saquei o PIS 2020/2021, e agora?

 A data limite para retirar o PIS/Pasep é 30 de junho de 2021, essa regra vale para todos, independente se o seu saque já foi liberado ou não. Ainda assim, o novo valor de R$ 1.100 só estará disponível para quem teve o pagamento autorizado este ano.

 Recebeu o PIS 2020/2021, mas não sabe onde guardar o seu dinheiro? A Superdigital é perfeita para você. Aqui é possível abrir a sua conta online ter acesso a diversos produtos, tudo sem complicação, mesmo se o nome estiver negativado.

banner para abrir conta e assinar o Disney+

Como saber se tenho direito ao PIS/Pasep?

 Como citamos acima, ter trabalhado por pelo menos 30 dias em 2019 é uma das condições para receber o PIS 2020/2021, mas há outras exigências: 

  • Ter recebido até dois salários mínimos (R$2.200), por mês, em 2019;
  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há 5 anos.

Como consultar o PIS 2020/2021?

 O aplicativo recomendado para acompanhar o abono do PIS/Pasep é o CAIXA Trabalhador, com calendário, consultas de parcelas e outras informações. Mas você também pode entrar em contato através do site da Caixa ou telefone de atendimento (0 800 726 0207).

A Superdigital está aqui para descomplicar sua vida

Não importa se para explicar tudo sobre o PIS/Pasep ou para ajudar você a lidar com o seu dinheiro de forma rápida e acessível, a Superdigital está do seu lado.

Seja cliente Superdigital e faça pagamentos e transações de forma rápida e muito simples.

Abra a sua conta em menos de 10 minutos de maneira totalmente online via nosso aplicativo (via PlayStore ou AppStore) ou site.